Notícias

Retorno do investimento.




Existie a possibilidade do payback estimado não ser realizado?

Recentemente, em contato com pessoas que assistiam a uma apresentação sobre franquias, uma destas pessoas me perguntou se existia a possibilidade do payback estimado, (tempo decorrido entre o investimento inicial e o momento no qual o lucro líquido acumulado se iguala ao valor desse investimento.), não ser realizado. Naturalmente que sim eu disse a ele, que respondeu com surpresa: "Ora, então não é bom negócio, e, além do mais, estive em outra franqueadora que me garantiu que o investimento retorna em até em 24 meses.”

Infelizmente esta situação não é tão rara tanto quando analisamos interessados em realizar negócios através de uma franquia, quanto com franqueadores ao apresentar suas propostas de negócio.

Importante entendermos alguns pontos: o payback, que é o período que o investimento realizado é pago através do lucro líquido acumulado, pode ter variação, não tenhamos dúvidas. Esta variação pode ocorrer por exemplo, em função da sazonalidade do negócio; pode ocorrer em função de características regionais de onde a unidade franqueada estiver instalada; pode ocorrer em função da maturidade do shopping center onde a unidade está instalada (em se tratando de shoppings recém inaugurados); pode ocorrer também em função da gestão do franqueado. Desta forma, é relativamente preocupante o interessado em abrir um empreendimento franqueado, ter a visão que o tempo de retorno do investimento é algo que ocorre em tempo certo, sem variação. Lembre-se a partir de agora você, franqueado, é empresário, sujeito as variações aqui citadas e tantas outras. O tempo em que era possível com alguma exatidão ter uma determinada quantia acumulada ocorria quando você tinha uma remuneração fixa, com data certa, ou seja, quando recebia salário e era funcionário.

Claro que abrir uma empresa, seja ela franqueada ou não através de um bom planejamento é possível estimar seu retorno, mas seria utópico não crer em possibilidades que este possa ocorrer em maior ou menor tempo, e, ainda, se realizada uma análise inadequada, poderá nem ocorrer.

Outra situação que se faz necessário alertar é em relação aos prazos que os franqueadores ofertam a seus candidatos prazos de retorno que só me recordo ter visto em aulas de economia, na faculdade. Não me refiro nem a ser prazo curto ou longo, mas quando em alguns casos ocorre a exatidão do prazo. Ora, de acordo com o tipo de negócio e volume investido, certamente haverá um intervalo possível de retorno, por exemplo, em investimentos na ordem de $ 150 à 250 mil, é comum termos estimativas entre 24 e 36 meses, mas julgo impossível quando alguém lança: “seu investimento retornará em 27 meses”, qual cálculo utilizado? Que estimativa tão exata é esta?

Também devemos observar a amplitude do intervalo de retorno estimado, pois podemos ter situações que variam de 24 a 36 meses; de 48 a 60 meses, etc, mas se você ouvir que o retorno estimado de investimento é entre 24 e 60 meses, é esta uma amplitude muito díspar em relação a situações possíveis. Fica quase uma loteria. Mas damos uma dica:

Franqueador:
É necessário realizar um bom plano de negócios para apresentar a seu candidato. Importante que ele saiba que a realização deste plano dependerá mais do seu trabalho e gestão do que do próprio franqueador, claro, considerando que o franqueador cumpra seu papel adequadamente.

Franqueado:
Você não terá mais salário. Terá lucro ou prejuízo de acordo com se trabalho e gestão. Não é o franqueador que será responsável por seus resultados.

Fonte: Arlan Roque parawww.administradores.com.br

Últimas Notícias:
• Uma nova Microvix está nascendo.
• Notícias sobre os Shopping Centers.
• Franchising e governança corporativa.
• 6 opções de franquias que custam menos de 10 mil reais.,



:: Voltar
av. senador casemiro da rocha, 609 cj 51 • saúde • cep 04047-001 • são paulo • sp
fone: +55.11.2276.0048 | 11.2577.1115 | 11.4562.1116 | (oi dub): 11.96656-0048