Notícias

Boom de franquias de depilação exige cautela

As franquias de depilação ganham espaço no Brasil à medida que o poder de consumo da população acentua-se e o público masculino ingressa no setor de beleza. Atualmente, há 12 marcas no mercado, cinco delas criadas este ano, segundo dados da ABF (Associação Brasileira de Franchising).

Ser franqueado de uma dessas empresas, no entanto, não é garantia de faturamento alto e retorno financeiro em curto prazo. Com a alta competitividade do mercado, o futuro franqueado deve procurar marcas consolidadas no setor, pontua Ricardo Camargo, diretor-executivo da ABF. "Fugir das capitais e apostar no crescimento de cidades do interior é importante em um cenário de alta concorrência", acrescenta.

A maior procura dos homens por produtos e serviços de beleza equilibra a média entre oferta e demanda do setor diante da competitividade do segmento, afirma Matheus Divino, gerente de marketing da Laser Star, de depilação. "Além disso, cada franquia tem seu diferencial e cabe a ela buscar constantes inovações para o mercado de depilação", destaca.

Além da análise financeira do negócio, a qualidade da tecnologia utilizada na depilação também deve ser avaliada, na opinião de Cláudia Bittencourt, diretora-geral do Grupo Bittencourt, que atua com consultoria de negócios. "Todo a empresa que atua no ramo de saúde exige o dobro de atenção do franqueado."

A melhor maneira para o empreendedor assegura-se sobre a eficiência da metodologia de depilação utilizada pela franquia é solicitar certificação da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), aponta Camargo. "Caso contrário, o negócio pode ser uma fria."

Para maiores informações entre em contato com a Dubnet:
contato@dub.com.br



:: Voltar
av. senador casemiro da rocha, 609 cj 51 • saúde • cep 04047-001 • são paulo • sp
fone: +55.11.2276.0048 | 11.2577.1115 | 11.4562.1116 | (oi dub): 11.96656-0048