Notícias

Gendai e China in box,

Logo no início do negócio, Robinson Shiba, 42 anos, tomou duas decisões importantes: as redes de fast-food China in Box e Gendai não teriam cozinha central e todos os franqueados usariam o mesmo operador logístico. “Acredito que deixei a empresa mais leve”, diz. Sob seu comando, a Trendfoods faturou R$ 209 milhões em 2010.


RAÍZES ORIENTAIS
“Aos 20 anos, decidi passar uma temporada nos Estados Unidos, com o apoio dos meus pais. Em São Francisco, fiquei encantado com os restaurantes de Chinatown, que vendiam pratos para viagem em caixinhas de papelão branco. Enxerguei ali uma oportunidade. Sabia que não havia nada parecido no Brasil. O investimento inicial, de US$ 60 mil, veio do meu pai. A primeira loja da China in Box foi aberta em 1992, em São Paulo. Nesse mesmo ano entrei como sócio-investidor no Gendai. Pensei: se vou investir no setor de alimentação, por que não incluir uma loja de culinária japonesa, ligada às minhas origens?”

VOCAÇÃO PARA FRANQUIAS
“Comecei a franquear em 1994. Na época, uma consultora me disse para ir devagar, abrir dez lojas no primeiro ano. Eu abri 35. Deu certo: era um momento favorável, no início do Plano Real, e o retorno foi rápido. Nos primeiros seis anos, o crescimento foi bem acelerado — chegamos a 90 lojas em 1998. Em 1999, por conta de crises internacionais, diminuí o ritmo. O crescimento só foi retomado em 2008. Nesse ano, os sócios da China in Box e da Gendai se reuniram e optaram pela fusão: a ideia era gerar sinergia e rentabilizar as duas empresas.”

LEVEZA E PADRONIZAÇÃO
“Uma decisão importante foi não ter uma cozinha central. Em vez disso, resolvi trabalhar com fornecedores credenciados. Imaginei que dessa maneira seríamos mais competitivos: poderíamos oferecer um produto de alta qualidade, sem tantos gastos. Acredito que deixei a empresa mais leve. Outra resolução que fez diferença foi utilizar o mesmo operador logístico para todos os franqueados. Assim, padronizamos ao mesmo tempo os indicadores de rede e os custos com distribuição.”

PÉ NO ACELERADOR
“Em 2012, vamos colocar em prática um plano agressivo de expansão: a meta é abrir 30 lojas novas por ano até 2017. Meu objetivo é dobrar de tamanho nos próximos seis anos.”



TRENDFOODS O QUE É: grupo que reúne duas das maiores redes de fast-food do país, China in Box e Gendai.
O QUE OFERECE: pratos de culinária oriental, adaptados ao paladar brasileiro, vendidos em esquema de delivery.
ESTRUTURA: 2.940 funcionários, trabalhando em 153 lojas China in Box e 54 lojas Gendai, espalhadas por 23 estados brasileiros.
FATURAMENTO EM 2010: R$ 209 milhões.

Marisa Adán Gil


Fonte:PEGN Online


:: Voltar
av. senador casemiro da rocha, 609 cj 51 • saúde • cep 04047-001 • são paulo • sp
fone: +55.11.2276.0048 | 11.2577.1115 | 11.4562.1116 | (oi dub): 11.96656-0048